quarta-feira, 23 de julho de 2014

A impaciência faz-te caminhar depressa, fazendo-te tropeçar e ficar confuso. A impaciência angustia-te e não te deixa ver o que esperas. Quando és consciente e desejas mudar, paras de repente, encontras-te com o desassossego e as dúvidas atormentam-te.
Para começares a trabalhar a tua paciência tens de acalmar a tua mente, e desta forma esperar docemente que chegue o momento de acção.
O que te impede de parar para esperar? Queres ser o melhor ou o primeiro?... Quando fazes um longo percurso pelo deserto sem parar nem beber e desatento, é natural que fiques doente, que não chegues ao fim ou te percas e apareças noutro sítio. Se antes de fazeres este longo percurso, pensares se levas água suficiente, se o clima é propicio, se estás preparado fisicamente para suportar a viagem, verás se é mais conveniente esperares e preparares-te, ou juntares tudo o que necessitas e pedires ajuda e conselhos. A verdade é que se preparares a viagem com calma e pedires ajuda, terás o êxito mais assegurado. Assim, antes de uma acção impaciente, reflecte, pára e analisa os porquês, o que aprenderias com a espera...
Quando o aluno está preparado, o mestre aparece. Não procures um tesouro enquanto não souberes o que farias com ele. Pelo contrário, prepara-te para saberes como actuar tendo nas tuas mãos o tesouro que desejas, como se já o tivesses. Um dia estarás preparado e aparecerá.



Foto: A impaciência faz-te caminhar depressa, fazendo-te tropeçar e ficar confuso. A impaciência angustia-te e não te deixa ver o que esperas. Quando és consciente e desejas mudar, paras de repente, encontras-te com o desassossego e as dúvidas atormentam-te.
Para começares a trabalhar a tua paciência tens de acalmar a tua mente, e desta forma esperar docemente que chegue o momento de acção.
O que te impede de parar para esperar? Queres ser o melhor ou o primeiro?... Quando fazes um longo percurso pelo deserto sem parar nem beber e desatento, é natural que fiques doente, que não chegues ao fim ou te percas e apareças noutro sítio. Se antes de fazeres este longo percurso, pensares se levas água suficiente, se o clima é propicio, se estás preparado fisicamente para suportar a viagem, verás se é mais conveniente esperares e preparares-te, ou juntares tudo o que necessitas e pedires ajuda e conselhos. A verdade é que se preparares a viagem com calma e pedires ajuda, terás o êxito mais assegurado. Assim, antes de uma acção impaciente, reflecte, pára e analisa os porquês, o que aprenderias com a espera...
Quando o aluno está preparado, o mestre aparece. Não procures um tesouro enquanto não souberes o que farias com ele. Pelo contrário, prepara-te para saberes como actuar tendo nas tuas mãos o tesouro que desejas, como se já o tivesses. Um dia estarás preparado e aparecerá.

Sem comentários:

Enviar um comentário